“A educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda.

Paulo Freire

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

ORAÇÕES SUBORDINADAS ADVERBIAIS

Oração Subordinada Adverbial

Uma oração é considerada subordinada adverbial quando exerce a função de adjunto adverbial do verbo da oração principal:

Muita gente ainda morre porque não tem comida.

Causais: indicam a causa da ação expressa na oração principal. 
    porque, visto que, como, uma vez que, posto que, etc. 
Ex:
A cidade foi alagada porque o rio transbordou. 

Consecutivas: indicam uma conseqüência do fato referido na oração principal. 
    que (precedido de tal, tão, tanto, tamanho), de sorte que, de modo que, etc. 
Ex:
O imóvel  custava tão caro que o cliente desistiu da compra. 

 Condicionais: expressam uma circunstância de condição com relação ao predicado da oração principal. 
 se, caso, desde que, contanto que, sem que, etc. 
Ex:
Deixe um recado com a secretária se você não me encontrar em casa. 

Concessivas: indicam um fato contrário ao referido na oração principal.    
embora, a menos que, se bem que, ainda que, conquanto que, etc. 
Ex:
Embora tudo tenha sido cuidadosamente planejado, ocorreram vários imprevistos. 

Conformativas: indicam conformidade em relação à ação expressa pelo verbo da oração principal. 
 conforme, consoante, como, segundo, etc. 
Ex:
Tudo foi feito conforme combináramos na véspera.

Comparativas: são aquelas que expressam uma comparação com um dos termos da oração principal. 
 como, que, do que, etc. 
Ex:
Os alunos têm estudado como verdadeiros obstinados (estudam). 

Finais: exprimem a intenção, o objetivo do que se declara na oração principal. 
 para que, a fim de que, que, porque, etc. 
Ex:
Forçaram a porta para conseguir sair. 

Temporais: demarca em que tempo ocorreu o processo expresso pelo verbo da oração principal. 
 quando, enquanto, logo que, assim que, depois que, antes que, desde que, ...
Ex:
Quando recebi seu recado, já nada mais podia ser feito.  

Proporcionais: expressam uma idéia de proporcionalidade relativamente ao fato referido na oração principal. 
 à medida que, à proporção que, quanto mais...tanto mais, quanto mais...tanto menos, etc. 
Ex:
Quanto mais estudo português, mais aprendo. 


As orações subordinadas adverbiais e a pontuação


A pontuação dos períodos em que ocorrem orações subordinadas adverbiais obedece aos mesmos princípios observados em relação aos adjuntos adverbiais. Isso significa que a oração subordinada adverbial sempre pode ser separada por vírgulas da oração principal. Essa separação é optativa quando a oração subordinada está posposta à principal e é obrigatória quando a oração subordinada está intercalada ou anteposta:

 

Decisões importantes devem ser tomadas ( , ) a fim de que se evitem maiores danos ao ambiente.

Quando sairmos para passear, não esqueçamos de levar o guarda-chuva.

Fizemos, conforme combinado, todo o possível para sermos discretos.

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário